top of page

Criptorquidia é uma das causas do câncer de testículo

Criptorquidia é uma das causas do câncer de testículo. Antes de falarmos sobre a relação entre a Criptorquidia e o câncer é importante entender essa condição e porque ela acontece.


A criptorquidia é caracterizada pela ausência de um ou dos dois testículos na bolsa escrotal. Isso ocorre nos bebês, quando os testículos não desceram da cavidade abdominal para a bolsa escrotal, ou seja, ao apalpar a bolsa escrotal não é possível sentir o testículo lá.


As causas podem estar relacionadas a predisposição genética, exposição da mãe a substâncias químicas, como pesticidas, idade avançada da mãe, obesidade ou diabetes materno, apresentação pélvica na gestação, em bebês prematuros ou com  baixo peso ao nascer, síndromes genéticas, paralisia cerebral e doenças hormonais.


A criptorquidia também pode ocorrer posteriormente, e essa condição leva o nome de “testículo ascendente”. Nesse caso, o testículo estava dentro na bolsa escrotal, e com o crescimento da criança ele se desloca e sobe.


Geralmente, a criptorquidia se resolve naturalmente, os testículos acabam descendo para a bolsa escrotal com o crescimento da criança. Porém, quando isso não ocorre, a cirurgia de correção é indicada antes da criança completar 2 anos de idade.

 


Câncer de testículo e a criptorquidia


O câncer de testículo, apesar de raro (representa cerca de 5% dos casos de câncer em homem), ocorre com mais frequência em jovens, principalmente entre 20 e 40 anos.


O principal fator de risco para o câncer de testículo, que está presente em cerca de 10% das pessoas que nascem com esse problema, é a criptorquidia.


Outros fatores que podem ter relação com o desenvolvimento da doença são: homens inférteis ou com atrofia nos testículos, com histórico familiar de câncer de testículo, portadores de síndrome de Klinefelter e de HIV.


No início, o câncer de testículo pode ser confundido com outras doenças, por isso é importante conhecer os principais sintomas e buscar avaliação médica ao observar alterações na região


Os sintomas mais comuns do câncer de testículos são:


  • Aumento do testículo

  • Aparecimento de nódulo duro, palpável e indolor na região

  • Sensação de peso no saco escrotal

  • Dor ou desconforto na região lombar, no baixo ventre, na virilha, no testículo ou no saco escrotal

  • Coleta súbita de fluido no escroto

  • Crescimento da mama ou perda do desejo sexual

  • Crescimento de pelos faciais e corporais em meninos muito jovens


43 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page