top of page

O que é cirurgia robótica?

A cirurgia robótica é um procedimento minimamente invasivo, que tem sido aplicado no tratamento de vários tipos de câncer, com resultados efetivos. É atualmente o procedimento mais moderno e seguro no campo da cirurgia e só tende a crescer e a evoluir ainda mais.


Hoje em dia, nos EUA, onde os robôs cirúrgicos são amplamente disponíveis, mais de 90% das cirurgias para o tratamento do câncer de próstata são realizadas utilizando a técnica robótica. No mundo, a urologia é terceira especialidade que mais utiliza a robótica já, no Brasil é a primeira.


Além da urologia a cirurgia robótica já é utilizada na ginecologia, oncologia, cirurgia torácica, cirurgia geral, do aparelho digestivo, bariátrica, pediátrica, de cabeça e pescoço e cardíaca.


Mas como é realizada a cirurgia robótica?


A cirurgia robótica é um procedimento muito seguro. Somente cirurgiões certificados, com treinamento específico, estão habilitados a realizar a técnica. Proctors é o nome dado aos médicos responsáveis por treinar e acompanhar os primeiros procedimentos robóticos dos cirurgiões.


O robô não faz a cirurgia sozinho, ele é apenas um equipamento manuseado pelo cirurgião, ou seja, todos os movimentos do robô são guiados pelo médico. O cirurgião realiza todos os movimentos por meio de um console de comando, ao lado da mesa cirúrgica, como se fosse um “joystick” de videogame que movimenta os braços mecânicos do robô, reproduzindo os movimentos da mão do médico.


As pinças que estão acopladas nos braços do robô são introduzidas por pequenas incisões no corpo do paciente, podendo realizar movimentos 360 graus e acessar regiões estreitas e angulosas. São movimentos estáveis e de alta precisão, difíceis de serem realizados diretamente com a mão humana. O médico acompanha todo o procedimento em um monitor 3D, que mostra as imagens ampliadas e em alta definição. Além disso, um segundo cirurgião fica ao lado do paciente monitorando todos o procedimento junto com a equipe multidisciplinar.



Benefícios da cirurgia robótica


O sistema robótico tem demonstrado maior eficiência quando comparado aos métodos tradicionais, entre eles estão:


Mais Precisão

A cirurgia robótica traz como sua aliada uma alta tecnologia que dispõem de recursos capazes de elevar a precisão se comparado com procedimento laparoscópicos ou a cirurgia convencional. A plataforma robótica amplia a imagem do campo cirúrgico em visão tridimensional. Por meio de um monitor de alta definição, o cirurgião visualiza as imagens em 3D do órgão a ser operado, ampliadas em até 15 vezes. Além disso, o robô tem quatro braços articulados, sendo que dois braços atuam como as mãos esquerda e direita do cirurgião e o terceiro braço como a mão do cirurgião auxiliar. Nesses três braços estão acopladas pinças cirúrgicas que fazem as incisões. Elas se movimentam em 360 graus e conseguem acessar regiões estreitas e angulosas, com movimentos de alta precisão, difíceis de serem realizados diretamente pela mão humana.


Mais Segurança

A cirurgia robótica é muito segura. A plataforma possui componentes que foram projetados para reduzir o risco do procedimento, além de usar programa de inteligência artificial que filtra tremores e movimentos indesejados das mãos do cirurgião. Para ter ideia, caso o cirurgião precise retirar o rosto da tela de controle o robô aciona um dispositivo de segurança que trava instantaneamente o equipamento, evitando qualquer dano ao paciente.


Incisões menores

As incisões na cirurgia robótica são menores, o que traz um benefício estético maior que procedimentos convencionais.


Menos risco de complicações

Na grande maioria dos casos, a cirurgia robótica traz menor sangramento e diminuição das taxas de transfusão, menor risco de infecção, diminuição da dor. Segundo evidências científicas, quando utilizada para o tratamento do câncer de próstata também possibilita uma recuperação mais precoce da continência urinária e da potência sexual.


Menor tempo de internação e recuperação

Por ser um procedimento minimamente invasivo, com menor incisão e menor risco de complicações como infecção, perda de sangue, a alta hospitalar geralmente ocorre mais rapidamente, assim como a recuperação e a volta as atividades habituais.



IUCR e a capacitação em cirurgia robótica


Nossa equipe é pioneira no Brasil na utilização da técnica robótica e já realizou mais de 4 mil procedimentos, além de ter sido responsável pela formação de centenas de cirurgiões.

Oferecemos um Programa de Consultoria e Treinamento em Cirurgia Robótica destinado a instituições, médicos e profissionais da saúde. O Programa tem como objetivos capacitar as Instituições de saúde e suas equipes nas diversas fases de implantação e/ou ampliação do Programa Robótico, treinando e formando profissionais, orientando sobre a aquisição de equipamentos, o melhor aproveitamento dos recursos, processo de implementação da tecnologia para pacientes, segurança do procedimento para todos os envolvidos.

322 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page