top of page

Além do câncer de mama. Outros tipos de câncer que acometem as mulheres

O Outubro Rosa é o mês de conscientização sobre o câncer de mama, o tumor mais incidente nas mulheres. Mas quando falamos sobre câncer em mulheres não podemos esquecer dos tumores ginecológicos que também merecem atenção. Os tumores ginecológicos mais frequentes são aqueles que se desenvolvem no colo do útero, no endométrio e no ovário e os mais raros na vulva e na vagina.


Preparamos aqui um resumo com as principais informações sobre cada um deles. Confira:

Câncer de ovário:


Geralmente no início, o câncer de ovário é assintomático e quando esses sintomas surgem em fases mais avançadas, eles são inespecíficos e podem ser confundidos com outras doenças: ·Desconforto abdominal ou dor (gases, indigestão, pressão, inchaço, cãibras)

  • Inchaço ou sensação de plenitude, mesmo após refeição

  • Náusea, diarreia, constipação ou micção frequente

  • Perda ou ganho de peso inexplicável

  • Perda de apetite

  • Sangramento vaginal anormal

  • Fadiga incomum

  • Dor nas costas

  • Dor durante a relação sexual

  • Alterações menstruais



Câncer de colo do útero:


É mais comum acima dos 40 anos e tem desenvolvimento. A principal causa relacionada é a infecção pelo Papilomavírus Humano (HPV), que é transmitido principalmente pelo contato sexual sem proteção e que pode ser prevenida por meio da vacina contra o HPV administrada em crianças e adolescentes, gratuitamente no SUS.

Em seus estágios iniciais, o câncer do colo do útero geralmente não apresenta sintomas e quando surgem eles podem variar de pessoa para pessoa. São eles:


  • Corrimento vaginal de cor escura, com sangue ou com mau cheiro

  • Sangramento vaginal após a relação sexual

  • Sangramento vaginal anormal: após a menopausa, entre períodos menstruais ou períodos excessivamente longos

  • Dor durante o sexo

  • Massa palpável no colo de útero

  • Hemorragias

  • Obstrução vias urinárias e intestinal

  • Perda de apetite e peso


Câncer de endométrio:


É mais frequente acima dos 60 anos e na fase pós-menopausa. Um dos principais sintomas do câncer de endométrio é o sangramento uterino anormal ou sangramento após a menopausa. Além disso, dor na pelve, massa pélvica palpável e perda de peso inexplicável.


As principais causas relacionadas são: obesidade, menarca precoce e menopausa tardia, reposição hormonal com estrogênio de forma prolongada, síndrome do ovário policístico, nunca ter tido filhos, tratamento com tamoxifeno (usado no tratamento do câncer de mama), diabetes mellitus , pressão alta, histórico familiar de síndrome de Lynch ou de câncer colorretal hereditário não polipose (HNPCC).

Câncer de vulva e câncer de vagina:


Geralmente, a doença nessas regiões não apresenta sintomas nas fases iniciais e tem desenvolvimento lento, podendo levar anos até se desenvolver.

Alguns sintomas podem surgir quando o câncer de vagina já está em fase mais avançada: sangramento vaginal anormal (geralmente após o sexo), corrimento vaginal anormal, caroço na vagina que pode ser sentido, dor durante a relação sexual. Já no caso do câncer de vulva, os principais sintomas são: alteração na cor da pele da vulva, engrossamento da pele, coceira, dor ou queimação, sangramento ou corrimento não relacionado ao período menstrual, ferida que não cicatriza.



Assim, manter consultas regulares ao ginecologista e a realizar periodicamente os exames de prevenção, mesmo quando não apresenta nenhuma alteração física ou sintoma é fundamental para o diagnóstico precoce e maior chance de curabilidade.

Posts recentes

Ver tudo

留言


bottom of page